Artur Gomes - Juras Secretas - não fosse esse punhal de prata ou se mesmo fosse e eu não dissesse


28/02/2007


Jura secreta 44

o espectro de vermmer
agora mora na ant/sala
dos meus músculos
fugiu das telas do Louvre
agora livre em meu corpo passeia
mistura tintas até não mais
definir a cor do sangue
que ainda pulsa em minha veia

meninas leiteiras rapazes
e tudo mais que ele criou
o espectro é uma obra de carne
no osso de quem pintou

artur gomes

http://arturgomes.zip.net

http://fulinaima.blogspot.com

http://almadepoeta.com/fulinaima.htm

 

Escrito por fulinaima às 07h20
[ ] [ envie esta mensagem ]

26/02/2007


 

Jura secreta 43

 

afora em mim grafitemas

nenhuma figuralidade

frutas legumes verduras

quem cala a fala consente

houve um dia que a dita/dura

calou a fala da gente

 

grafito em tua carne de pedra

medusa de sete patas

poema de sete cabeças

miragens do amor que enlouqueça

apóstolos na santa ceia

 

miró brincando de circo

de olho na lua cheia

 

artur gomes

http://arturgomes.zip.net

http://arturgumes.zip.net

http://fulinaima.blogspot.com

http://almadepoeta.com/fulinaima.htm

 

Escrito por fulinaima às 12h06
[ ] [ envie esta mensagem ]