Artur Gomes - Juras Secretas - não fosse esse punhal de prata ou se mesmo fosse e eu não dissesse


02/05/2007


picabia

Escrito por fulinaima às 14h42
[ ] [ envie esta mensagem ]

Jura Secreta 51

 

o que pensas tua língua

quando fala meu nome

ou come

a carne que os teus dentes

mastigam

quando não mato

tua fome

ou fico sem saber

se como o que sobrou

da tua boca

só restou

o que não sacia

mas consome

esta tua língua

sem dente e íngua

devora nossa mistura

de saliva pura e crua

que são ácidas e alucina

nos leva

e não eleva

e a gente nada releva

o que resta este descaso

se casamento

não é o caso

deste sexo frágil que segura

come o cuspe

sobra em usos e inda assegura

 

Dani Morreale/ Artur Gomes

http://danymorreale.blogspot.com

http://caldeiraofulinaimico.zi.net

http://almadepoeta.com/fulinaima.htm

 

Escrito por fulinaima às 14h41
[ ] [ envie esta mensagem ]